VoyForums
[ Show ]
Support VoyForums
[ Shrink ]
VoyForums Announcement: Programming and providing support for this service has been a labor of love since 1997. We are one of the few services online who values our users' privacy, and have never sold your information. We have even fought hard to defend your privacy in legal cases; however, we've done it with almost no financial support -- paying out of pocket to continue providing the service. Due to the issues imposed on us by advertisers, we also stopped hosting most ads on the forums many years ago. We hope you appreciate our efforts.

Show your support by donating any amount. (Note: We are still technically a for-profit company, so your contribution is not tax-deductible.) PayPal Acct: Feedback:

Donate to VoyForums (PayPal):

12/12/19 18:21:22Login ] [ Contact Forum Admin ] [ Main index ] [ Post a new message ] [ Search | Check update time | Archives: 12345678[9] ]
Subject: HÁ A TENTAÇÃO DE RESOLVER A FALTA DE DINHEIRO da câmara CONCESSIONANDO O ESPAÇO PÚBLICO


Author:
Diana Ralha (Público, 24 Dezembro 2006)
[ Next Thread | Previous Thread | Next Message | Previous Message ]
Date Posted: 26/12/06 13:04:57

"HÁ A TENTAÇÃO DE RESOLVER A FALTA DE DINHEIRO da câmara CONCESSIONANDO O ESPAÇO PÚBLICO"
POR Diana Ralha


A polémica estalou quando a Avenida da Liberdade foi transformada na Avenida Volkswagen. O vereador do pelouro, António Prôa, reconhece que há cada vez mais pressão para "vender" o espaço público e assim solucionar os problemas de financiamento da autarquia. Mas garante que estas iniciativas serão excepcionais.


A mais nobre avenida de Lisboa é, durante esta quadra natalícia, a Avenida Volkswagen (VW) e não a Avenida da Liberdade. O arvoredo do antigo passeio público foi decorado com vasos azuis cunhados com o monograma da VW - que são mais feéricos durante a noite, quando estão iluminados ao longo do corredor central da avenida -, há várias bolas gigantes com o logótipo do construtor automóvel alemão aos pés do Marquês de Pombal e do seu leão, decorações em seis abrigos de autocarro e quatro mupis onde a VW deseja aos lisboetas um "Feliz 2007".
A marca do "carro do povo" é a patrocinadora das iluminações de Natal da Avenida da Liberdade versão 2006. Devido a restrições orçamentais, que resultam da frágil situação financeira da Câmara de Lisboa, a transferência de verbas para a União das Associações do Comércio e Serviços (UACS) - entidade que representa o pequeno comércio e a quem compete a colocação das iluminações natalícias na cidade - sofreu um corte dez por cento, ou cem mil euros, face a 2005. De acordo com António Prôa, vereador do Espaço Público de Lisboa, a UACS propôs à autarquia que, para compensar este corte, se procurassem patrocínios.
"Achámos o princípio positivo. Preferia que não fosse necessário, mas não posso exigir aos lisboetas que paguem mais impostos municipais para terem mais iluminações de Natal", diz o autarca, reconhecendo que "há uma tentação de resolver a falta de financiamento da autarquia em contrapartida da concessão do espaço público".
"Sofro alguma pressão de entidades privadas e de outros serviços da autarquia para que se utilize nesse sentido o espaço público de Lisboa. Mas estas iniciativas terão sempre um carácter extraordinário", garante.
É então que surge a ideia, sugerida pelo maior concessionário de publicidade exterior da capital, a JCDecaux, de entregar a avenida à marca. A iniciativa foi bem acolhida pela UACS e pela autarquia e o acordo foi firmado e ficou no "segredo dos deuses" até ao dia em que as posições publicitárias foram colocadas na Avenida da Liberdade.
Neste acordo, a marca alemã assume todos os custos com a produção das decorações e iluminação da Avenida da Liberdade, que são este ano em tons de prata e azul. Em troca, decora a avenida com o seu logótipo. O custo estimado da operações é superior a 120 mil euros - ou seja, mais 20 mil euros que a parcela de dinheiro que a câmara não transferiu este ano para os cofres da UACS.

"Tenho a obsessão
de ordenar a publicidade"
António Prôa está consciente da polémica que estalou entre os lisboetas ao emprestar uma das principais artérias da capital a uma marca comercial no período de Natal. Conta que diariamente chegam ao seu gabinete dezenas de impressões, tanto de elogio como de crítica, e que isso até tem o seu lado positivo, porque "quer dizer que os lisboetas se importam cada vez mais com o espaço público". Para o vereador, os elementos publicitários da VW "são uma solução de qualidade". "Houve o cuidado de adequar as iluminações às decorações de Natal e à avenida", garante o homem que diz ter a "obsessão de ordenar a publicidade".
Efectivamente, em Junho deste ano, Prôa declarou guerra ao ruído e ao caos que a publicidade exterior está a causar no espaço público de Lisboa. Começou por banir, através de um despacho seu - e enquanto não está concluída a revisão do regulamento municipal de publicidade -, as telas gigantes que os lisboetas se acostumaram a ver à frente das fachadas de tantas edificações devolutas. E também proibiu estes formatos nas áreas históricas da Baixa, áreas históricas centrais, áreas históricas periféricas, praças emblemáticas... e na Avenida da Liberdade. Não só aqui, mas também na Praça do Comércio, onde está localizada a árvore de Natal gigante do banco Millennium BCP, a ideia é pôr um travão no apetite crescente dos anunciantes que cada vez mais pedem para usar as ruas da cidade em benefício próprio.
"O caso da VW não foi único nem será. Surgem cada vez mais propostas de anunciantes que querem utilizar o espaço público, mas não quero banalizar este tipo de publicidade", garante o vereador. "Mas estamos sempre abertos a propostas. Há uma margem infinita para crescer em qualidade a publicidade exterior de Lisboa", ressalva.

[ Next Thread | Previous Thread | Next Message | Previous Message ]

Replies:
Subject Author Date
Lisboa contraria tendência internacionalalfacinha26/12/06 13:07:04


Post a message:
This forum requires an account to post.
[ Create Account ]
[ Login ]
[ Contact Forum Admin ]


Forum timezone: GMT+0
VF Version: 3.00b, ConfDB:
Before posting please read our privacy policy.
VoyForums(tm) is a Free Service from Voyager Info-Systems.
Copyright © 1998-2019 Voyager Info-Systems. All Rights Reserved.