VoyForums
[ Show ]
Support VoyForums
[ Shrink ]
VoyForums Announcement: Programming and providing support for this service has been a labor of love since 1997. We are one of the few services online who values our users' privacy, and have never sold your information. We have even fought hard to defend your privacy in legal cases; however, we've done it with almost no financial support -- paying out of pocket to continue providing the service. Due to the issues imposed on us by advertisers, we also stopped hosting most ads on the forums many years ago. We hope you appreciate our efforts.

Show your support by donating any amount. (Note: We are still technically a for-profit company, so your contribution is not tax-deductible.) PayPal Acct: Feedback:

Donate to VoyForums (PayPal):

19/01/21 19:16:09Login ] [ Contact Forum Admin ] [ Main index ] [ Post a new message ] [ Search | Check update time | Archives: 1234[5]6789 ]
Subject: Re: Libertado nos Estados Unidos o terrorista.


Author:
Expresso
[ Next Thread | Previous Thread | Next Message | Previous Message ]
Date Posted: 21/04/07 12:42:25
In reply to: Tiago 's message, "Re: Libertado nos Estados Unidos o terrorista." on 21/04/07 12:25:02

>
>


10:24 | sexta-feira, 13 ABR 07
x
Fidel Castro escreveu mais um artigo contra o seu gigantesco vizinho do norte. Desta vez o alvo, para além de Bush, foi o poder judicial americano por ter libertado Luís Posada Carriles. Segundo Havana, o responsável máximo pelo ataque bombista a um avião da linhas aéreas cubanas em 1976, e que resultou na morte dos 73 ocupantes.
Depois de dois artigos muito críticos em relação à política norte americana quanto ao uso de biocombustíveis, Fidel Castro, aparentemente mais vigoroso, escreveu o seu terceiro artigo em menos de duas semanas e é contundente nas acusações que faz, insinuando que houve interferência presidencial na decisão.
“Foi o próprio presidente Bush que ignorou sempre o lado terrorista e criminoso do acusado”, podia ler-se no texto.
O líder cubano escolhendo as palavras cuidadosamente continuou o ataque, “a responsabilidade é brutal. O governo americano e as suas instituições mais representativas decidiram libertar o monstro mais cedo”
A juíza federal norte-americana, Kathleen Cardone, defende a decisão judicial: “Ele está protegido por ser unicamente acusado de crimes relacionados com imigração ilegal”.
Liberdade mas pouca
Posada Carilles, embora libertado na passada sexta-feira, não se livrou das acusações de imigração ilegal, e apesar de poder sair da prisão pelo seu próprio pé, isso não aconteceu. O cubano ainda não pagou a caução de 250 mil dólares (186 mil euros), imposta pelo tribunal, para que pudesse aguardar o julgamento em prisão domiciliária.
Quando, e se, proceder a esse pagamento, poderá abandonar a prisão de El Paso no Texas e passará a viver em Miami, onde os seus familiares serão responsáveis por ele durante todo o processo.
Depois de ter sido considerado culpado do atentado de 1976, Posada Carilles começou por cumprir pena numa prisão venezuelana, de onde acabou por se evadir, iniciando uma alegada colaboração com a CIA, que na altura desenvolvia várias operações na América Central.
Para além do atentado de 1976, Havana acusa o dissidente de vários ataques bombistas em território cubano durante 1997, e da conspiração para assassinar Castro em 2000, quando foi detido no Panamá, com uma grande quantidade de explosivos.
Segundo os mesmos relatórios, em 2005, o homem entrou secretamente nos Estados Unidos onde pediu asilo político. O plano não resultou conforme o esperado, acabando detido e acusado de imigração ilegal.

[ Next Thread | Previous Thread | Next Message | Previous Message ]

Replies:
Subject Author Date
.Governo dos Estados Unidos protege, mais uma vez, terrorista internacionalFrancisco Forteza21/04/07 12:48:09


Post a message:
This forum requires an account to post.
[ Create Account ]
[ Login ]
[ Contact Forum Admin ]


Forum timezone: GMT+0
VF Version: 3.00b, ConfDB:
Before posting please read our privacy policy.
VoyForums(tm) is a Free Service from Voyager Info-Systems.
Copyright © 1998-2019 Voyager Info-Systems. All Rights Reserved.