VoyForums
[ Show ]
Support VoyForums
[ Shrink ]
VoyForums Announcement: Programming and providing support for this service has been a labor of love since 1997. We are one of the few services online who values our users' privacy, and have never sold your information. We have even fought hard to defend your privacy in legal cases; however, we've done it with almost no financial support -- paying out of pocket to continue providing the service. Due to the issues imposed on us by advertisers, we also stopped hosting most ads on the forums many years ago. We hope you appreciate our efforts.

Show your support by donating any amount. (Note: We are still technically a for-profit company, so your contribution is not tax-deductible.) PayPal Acct: Feedback:

Donate to VoyForums (PayPal):

10/12/19 12:58:59Login ] [ Contact Forum Admin ] [ Main index ] [ Post a new message ] [ Search | Check update time | Archives: 123[4]56789 ]
Subject: O SMS como arma da oposição ao monopólio do poder na China


Author:
ABEL COELHO DE MORAIS (DN, 13.06.2007)
[ Next Thread | Previous Thread | Next Message | Previous Message ]
Date Posted: 13/06/07 17:39:43
In reply to: Lusa 's message, "Em filme, Dom João 2º ensina China a se tornar superpotência" on 9/06/07 23:45:49

Milhares e milhares de mensagens SMS e intensos debates em fóruns na Internet levaram as autoridades do governo local de Xiamen, na província de Fujian, a suspenderem a construção de um complexo petroquímico a menos de 16 quilómetros do centro da cidade.

Avaliado em mil milhões de euros, o complexo criava sérios problemas ambientais revelados num artigo do semanário de Hong Kong Phoenix Weekly, em finais de Março, cuja circulação foi rapidamente interdita em Xiamen. Mas, retirada a revista, começaram a circular SMS denunciando a fábrica "que produz substâncias altamente venenosas", cujos efeitos na cidade seriam "como os de uma bomba atómica", provocando "leucemia e crianças deformadas". "Em nome dos nossos filhos e netos mandem esta mensagem a todos os amigos" - "e estejam dia 1, às 08.00, junto da sede do governo local. Levem laços amarelos". Para surpresa das autoridades, cerca de cinco mil concentraram-se diante do edifício, marchando depois pelo centro da cidade, onde se verificaram alguns confrontos. Dias depois, o município suspendeu a construção do complexo.

Este foi o exemplo mais recente da agitação que atravessa o tecido social na China. Mais de 87 mil "perturbações da ordem pública", na terminologia oficial, foram registadas só em 2005. Muitos destes protestos tornaram-se possíveis graças ao SMS, a pequena mensagem escrita que passa de telemóvel em telemóvel num instante. A sua importância foi reconhecida pelas autoridades que, após Xiamen, anunciaram a criação de um departamento policial só para vigiar as comunicações móveis e o acesso à Internet, criando também uma longa de lista de palavras que, a surgirem numa SMS, deve ser bloqueado o seu envio. Veremos se basta para controlar a agitação social .

[ Next Thread | Previous Thread | Next Message | Previous Message ]

Replies:
Subject Author Date
Investimento estrangeiro aumentou quase 10 por cento na ChinaPublico14/06/07 8:37:50


Post a message:
This forum requires an account to post.
[ Create Account ]
[ Login ]
[ Contact Forum Admin ]


Forum timezone: GMT+0
VF Version: 3.00b, ConfDB:
Before posting please read our privacy policy.
VoyForums(tm) is a Free Service from Voyager Info-Systems.
Copyright © 1998-2019 Voyager Info-Systems. All Rights Reserved.